Hoje aqui no blog mais uma transcrição do super mestre Lula Galvão. Dessa vez um solo mais longo,  três chorus no tema Minha Saudade (João Donato). Clique aqui para acessar a transcrição completa do solo.  

O disco Letra & Música : Ary Barroso (1997 – Lumiar Discos) de Rosa Passos e Lula Galvão marcou época. O repertório de canções de Ary produzido por Almir Chediak e com arranjos de Rosa e Lula exibe a leveza e o swing da voz da cantora sobre um acompanhamento límpido e com belas re-harmonizações e improvisos. Destaco aqui a canção Rio de Janeiro (Isto é o meu Brasil) onde Lula Galvão desfila seu estilo marcante de improvisação num solo que serve de ponte para a retomada da melodia. O solo tem apenas 16 compassos, mas sobre uma harmonia modulante que permite com que Lula explore as extensões dos acordes em seu máximo potencial, exibindo uma variedade de combinações muito interessante, como veremos a seguir. O estilo de improvisação de Lula Galvão é marcado pelo uso constante das diferentes possibilidades de extensões sobre os acordes dominantes. Podemos destacar o uso de…

Leia mais

“Não me digas não” de Paulinho da Viola e Cristóvão Bastos (partitura disponível no site da Casa do Choro) é um exemplo interessante de como é possível manter a tradição do choro e agregar novos elementos harmônicos e melódicos. Este choro foi gravado no CD Brasileiro Saxofone (Acari Records – 2009 ) do grande músico Nailor Proveta. A versão gravada conta com a participação do compositor Cristóvão Bastos no piano e de Maurício Carrilho no violão de 7 cordas, além do próprio Proveta no saxofone tenor. Neste choro, que prima pelas modulações harmônicas, saxofone e piano se alternam tocando a melodia de forma bastante improvisada, enquanto o violão mantém a condução rítmico-harmônica. Apesar das modulações as três partes do choro conservam uma estrutura bastante tradicional, sendo a primeira parte em Ré Maior, a segunda em Si Menor (relativa menor) e a terceira parte em Sol Maior (Subdominante). Os solos acontecem sobre a terceira…

Leia mais

Há algum tempo compus essa peça pra violão solo, mas quando resolvi gravar achei que deveria completar o clima com alguns instrumentos de percussão. Convidei o Roberto Amaral pra me ajudar e ele trouxe com ele os incríveis Rafael Toledo, Alfredo Castro e Raphael Moreira. Ficou assim: Aqui dá pra baixar a partitura – Partitura – Partido

Uma fuga “alla Brouwer” que compus para o CD Paisagens Interiores.  

Olá!! Primeiro vídeo do CD Paisagens Interiores saiu hoje! Uma valsa pra ninar a pequena Manu, com a participação especial de Toninho Ferragutti e os incríveis Fabio Augustinis e Gilberto de Syllos.

16/16